segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Mais uma para as mamães...


Eu estava lendo esse artigo antigo de um jornal de Washington. É uma pessoa que escreveu para a coluna perguntando o que uma mãe de tempo integral faz o dia inteiro? A resposta foi muito boa.

TELL ME ABOUT IT ®



By Carolyn Hax

Wednesday, May 23, 2007

Carolyn:

Melhor amiga com filho. Ela: exausta, ocupada, sem tempo para ela mesma, sem tempo para mim, etc. Eu (sem filhos). Uau, sinto muito. O que você faz o dia inteiro? Ela: parque, grupos para brincar...

Okay, eu tenho feito pesquisas na internet, tenho conversado com pais. Eu não entendo. O que mães de tempo integral fazem o dia inteiro? Por favor, nada de listas de biblioteca, supermercado, lavanderia…eu faço tudo isso também, e não faço isso TODOS OS DIAS. Eu acho que o que estou perguntando é: Qual é um dia típico e porque mães não tem tempo para uma ligação ou um e-mail? Eu trabalho e estou for a de casa 9 horas por dia (mais alguns dias até mais tarde) e consigo fazer tudo isso. Eu sinto que o filho é uma desculpa para relaxar e curtir – não que seja ruim – mas se for, porque minha amiga não me fala a verdade? Isto é um concurso de “mijo (“minha vida é bem mais difícil que a sua”)? Qual é o negócio? Eu tenho amigas com e sem filhos e todas nós sem filhos ouvem a mesma história e tem as mesmas respostas.

Tacoma, Wash.

Relaxe e aproveite. Você é engraçada.

Ou você está mentindo sobre ter amigas com filhos.

Pesquisas na internet?

Eu fico pensando se lhe dou uma resposta direta ou bato com o teclado na minha cabeça. Afirmar que você quer entender, enquanto no mesmo suspiro você implica que a única conclusão lógica é que suas amigas-mães estão mentindo ou competindo com você, é insincero com certeza.

Então, já que é uma validação que você quer é o que você vai ter. Em forma de lista. Quando você tem filhos novos, seu dia típico é assim: atenção constante, desde tirá-los da cama, dar comida, limpar, vestir, tentar afastá-los do perigo, responder a suas manhas, choros, perguntas; ter dois braços e carregar uma criança, chaves do carro e coisas para até a viagem mais rápida, incluindo algum brinquedo; não deixá-los tirar todos os livros da prateleira na livraria, manter horas de soneca…

É precisar de 45 minutos para fazer alguma coisa o que outros levariam 15.

É vigilância constante, toque constante, constante uso da sua voz, é colocar suas próprias necessidades em última instância. São os comentários maldosos de família e amigos, claro que com boas intenções.

É fazer tudo isso enquanto ao mesmo tempo você tem que ensinar tudo – falar, maneiras, segurança, disciplina, curiosidade, criatividade. Empatia. Tudo.

É também uma escolha, sim. E uma alegria. Mas se você passa o dia inteiro, todos os dias com essa forma de alegria, quando você tem 10 minutos para você, vai querer ficar sozinha com seus próprios pensamentos, ao invés de ligar para uma boa amiga, uma boa amiga não a julgaria, reclamaria para amigos mútuos, ou se admiraria com a maneira bem mais produtiva que ela usa seu tempo. Ou você faz faz um esforço sincero para entender ou mantenha sua irritação para si mesma.

2 comentários:

Rafaela disse...

olha até é verdade, mas tbm é verdade que muitas mães colocam nos filhos a desculpa de não se arrumar melhor, ou coisas do tipo. Ah eu tenho tantos filhos ( o pior é qndo é um ou dois filhos) e nao tenho tempo pra lavar meu cabelo, pra me maquiar ou me arrumar. Minha irmã tem uma filha bem ativa até, e nunca vi ela desarrumada ou com cabelo sujo, acho q isso é habito que se cria, e se coloca a dsculpa nos filhos. E ja vi muuuuuitas mães falarem que a razão pela qual andam com cabelos sujos (oleosos) sem uma maquiagem um rimel q seja ou com roupas amassadas e sujas é pq não têm tempo por causa dos filhos. E acho isso mto errado.

Priscila Terra disse...

A gente tem que se cuidar sim, mas vou confessar que as vezes estamos tão cansadas que não dá vontade.... quando a Cici nasceu foi difícil para mim se adaptar à vida de mãe. Eu lembro um dia quando ela estava dormindo resolvi fazer minhas unhas, me ajudou muito e me deu um gás...